Gravidez

Gravidez na Adolescencia ou Gravidez Precoce

Gravidez na Adolescencia ou Gravidez Precoce
4 (80%) 7 votos

A gravidez precoce ou a gravidez na adolescência , mais do que um problema para a mãe adolescente e a família, é um problema de saúde pública. Estima-se que no Brasil, uma entre cada quatro mulheres que são mães, tem menos de 20 anos de idade. Essas jovens raramente  estão preparadas fisicamente e muito menos psicologicamente para serem mães.

Hoje em dia não é raro vermos adolescentes com 13 ou 14 anos a espera do seu primeiro filho. Além de essas jovens serem mães muito cedo, elas perdem parte da infância e precisam amadurecer muito cedo. A parte da fantasia e do faz de conta de se brincar com bonecas desaparece na hora do parto e dá lugar ao medo, angústia, solidão e rejeição.

A adolescente precisa ser apoiada pela família e pelo futuro pai da criança. Depois de confirmada a gravidez, não adianta a adolescente se revoltar,e muito menos os pais se revoltarem.Nestes casos não vale a pena chorar pelo ‘leite derramado’.

O apoio e a conversa é a melhor coisa a ser feita neste momento, já que provavelmente antes da gravidez o diálogo entre filha e pais não deve ter existido. A jovem vai sofrer sérias transformações no corpo e precisa de apoio para poder lidar com isso. Mas deixe claro que apoio não significa transferência de problema; ela é a mãe e a responsabilidade maior é dela.

Uma entre cada quatro mulheres que são mães, tem menos de 20 anos de idade.

Ou seja, é a adolescente quem tem de cuidar da criança,  bem como tornar-se responsável pelo sustento financeiro dela. O ideal é que seja feito em comum acordo com o pai da criança caso o mesmo assuma a paternidade. Em alguns casos a família da adolescente pode entrar com uma ação judicial para que o pai da criança assuma a sua parte na criação do bebê.

Os riscos para a saúde da adolescente de uma gravidez precoce também são altos, já que o corpo da menina não está pronto para receber a criança. Por vezes a jovem escolhe esconder  a gravidez até o último estágio e acaba  não fazendo os exames pré-natais e colocando em risco a vida dela e a do feto. Ela escolhe esse caminho por medo do que pode acontecer se ela contar a verdade.

São exatamente por esses fatores que a gravidez precoce deve ser encarada como um problema de saúde pública e não apenas familiar. É por isso mesmo que toda a sociedade, incluindo a escola deve se preocupar e orientar os jovens na prevenção de uma gravidez precoce.

Por vezes essa gravidez precoce acontece pela falta da famosa conversa com os jovens; muitos pais têm vergonha ou acham desnecessário conversar com os jovens e acham que esse papel é da escola. É por isso que os jovens começam muito cedo a vida sexual e de forma errada, sem estarem preparados para as conseqüências dos seus atos.

Um filho precoce só vai atrapalhar os planos dos jovens. Por vezes eles abandonam os estudos ou adiam os sonhos que acabam nunca se concretizando já que eles têm uma responsabilidade muito maior para lidar nessa fase de planejamento de sonhos.

Isso pode fazer com que o adolescente cresça e seja um adulto frustrado com a sua vida, sentindo que poderia ter feito muito mais, realizado os sonhos se não fosse a gravidez precoce.Não estamos falando só da menina, incluimos  também neste tema os meninos que por vezes terão de assumir a responsabilidade de uma família em plena adolescência.

É por isso que o cuidado, a conversa e o senso de responsabilidade devem estar sempre presentes. Melhor se precaver antes de engravidar, há muitos métodos anticoncepcionais eficientes desde que usados corretamente e com responsabilidade.

Com certeza há exemplos de outros blogs e sites que abordaram este mesmo tema , muitas adolescentes virão aqui dizer que sentem-se discriminadas e que todos ‘atiram pedras’ em vez de ajudar; mas estas mesmas adolescentes infelizmente se esquecem que só elas podem ser responsáveis pelo seu corpo e pelos próprios atos.

Felizmente muitas têm um final muito feliz, têm seus filhos, por vezes até se casam ou os pais ajudam na árdua tarefa de criar um filho sozinha; mas uma grande parcela se vê sozinha e com um bebê nos braços para criar.Não pense que isso ocorre só em classes menos favorecidas, adolescentes de classe média e alta também engravidam; por isso a informação e o diálogo é essencial para que os adolescentes sejam esclarecidos quanto aos riscos de uma  gravidez precoce.

Por isso pense nisso, não custa nada se prevenir. 😉



88 Comentários

  • Engravidei kom 15 anos, não por falat de conversa e sim por desleixo meu,tenhu 19 agora e nao concordo em nada desse texto. Entrei numa universidade federal com 16 qdo minha filha tinha 4 meses. Estou mto feliz e n sei como seria a minha vida sem ela. O pai dela nao estar cmg, mas n deixa de exercer papel de pai. Não é por isso que estou frustrada ou algo parecido, isso depende da cabeça de cada um.

    • Ola Barbara, muito obrigada pela sua participação.
      Aqui ninguem disse que quem é mãe na adolescência é frustrada ou algo parecido. O que foi lembrado aqui é a falta total de responsabilidade de ‘meninas’ que não se previnem e ficam grávidas.
      Felizmente vc parece ter tido apoio dos seus pais, e me parece ser de uma familia com razoaveis condições financeiras, ao contrario de muitas adolescentes que engravidam. Muitas destas ou passam fome, ou doam seus filhos à instituições por nao poderem cria-los, ate pq o pai muitas vezes desaparece.
      Pq nao basta o pai ‘posar’ de pai e não contribuir com nada. Realmente o pai tem que exercer o papel de pai e ssutentar também o filho que ajudou a por no mundo, felizmente o pai da sua filha faz isso. Mas isso não é regra. É excessão. Nosso intuito foi apenas esclarecer muitas jovens, e evitar que mais crianças inocentes sejam ‘postas’ neste mundo para passar fome e viverem jogadas.

  • Tenho 30 anos, Moçambicano, pai de um filho. Tive o meu filho com 27 anos e a mãe que já é minha esposa com 25 anos. Passamos por muitas dificuldades para lidar com a situação. não foi por razões financeiras, mas sim psicologicas. Dum lado era uma alegria ter aquele filho, e do outro a responsabilidade parecia, e era mesmo, ser tão maior que a nossa a alegria de apenas trazer uma vida. Aí vinha a questão. ” Será que vamos consiguir assumir o papel verdadeiramente dito de pais? Será que vamos saber dar o que ele merece e precisa? Será que vale a pena? E muitas outras questões….” Comecei a pensar como seria se aquela criança aparecesse na adolescencia, com uma mão dispreparada e um pai ingénuo. Aí cheguei a conclusão: Vale apena esperar na idade adulta para ter um filho, não importam as motivações.

  • sou mae agora tenho 20 anos mais na epoca tinha 15 eu apesar detudo pode michamar de loca mas eu queria muitoser mae.mas para que quer tras muito e nao em gravidar um conselho tomen pilola use camisinha injecao tudo o que for posivel por que caso vc nao vai porder faser mais nada ok .obs nao aborte e crime etambem e um pecado mortal

  • oi eu tenho 17 anos e tenho um filho de 3 aninhos eu tive filho com 14 anos eu nao mim arependo de ter tido filho cedo meu filho é a pessoa que eu mais amo nesse mundo,logo quando eu engravidei eu fui morar com o pai do meu filho até hj eu estou com ele nun comeso foi duro pois ele tava disempregado mai logo ele aranjou um trabalho e foi melhorando eu tive filho pq eu não mim cuidei eu não tomava remedio so usava camisinha quando tinha e na minha casa ninguem sabia que eu não era mais virjem quando eu apareci gravida foi um baqui e eu contei que eu tava gravida so com 4 meses de gravidez eu demorei de falar comedo de minha mãe mandar eu tirar então esperei icar com 4 meses que já não pudia mas faser nada mas por incriveu que paresa ela não mandou eu abortar eu aconselho a vcs que são jovens que não abortem a crianca não tem nada a ver a a unica inisente nessa istoria. [pedrinho meu filho eu te amo vc é minha vida]

  • tenho 15 anos e estou com quase 4 meses, ainda nao terminei o ensino medio. sempre fui uma aluna dedicada, fato que chocou todos que souberam da minha gravidez precoce. O fato de ter engravidado nao atrapalhou a minha vida escolar, continuo bem exemplar e ate melhorei as notas, isso nao quer dizer que engravidar cedo é correto, mas no meu caso foi simplismente por falta de dialogo e conhecimento. Já superei muitas críticas por eu ser do tipo ”certinha” e agora aparecer gravida, mas isso nao me impede de continuar a vida e ser feliz ao lado da minha nova família que eu tanto sonhei… Pensem um pouco como será a vida de vocês daqui pra frente se engravidar cedo, e como será o futuro da criança, não vão relaxar, usem sempre preservativo!

  • Bom pra começo tenho 18 anos,ñ tenho filhos mas já pensei em gravidar só pra ver se ia mudar tudo na vida princilpalmente o meu namorado,penso muito em morar com ele mas agora vejo que essa situação ñ iria melhorar em nada minha vida e sim atrapalhar pois vou ter que carregar mas uma responsabilidade.tenho primas que engravidaram cedo e vejo que elas ñ tem condições de criar seu próprio filho e ainda pede ajuda pra mãe,ñ estou dizendo ajuda financeira e sim no dia-a-dia ñ podem arranjar um emprego porque ñ tem quem fique com seus filhos veja que situação mas emcomoda.por isso agora penso antes de querer mudar a minha vida totalmente….

  • Oii ‘
    Acheii o depoimentoo muito interessante… Acheii certo o modo em q
    esclareseram bem as consequências do ato de cada adolecente!
    Algumas meninas aii em cima pareseram ficar chatiadas .. Mais tipo assim, Elas teve oportunidades outras meninas não teve essa aportunidade!
    Euu so tenho 14 anos e até agora nunca tive relação sexuais … sei q ainda esta muito cedo, mais pelos depoimentos q li .. achei q oo modo mais facil de encarar esse tipo de situação é encarar e nunk pensaar no aporto, q apesar de ser crime isso vai ficar para sempre na sua mente!
    Nos mulheres, garotas ou meninas temos q saber q a gravidez na adolêcencia sem se previnir nos tras um ser muito lindo q é a criança mais tbéin nos tras problemas : Preconceitos é um deles !
    Então quando ouver sua 1º vez pense antes se a pessoa é a certa se a sua hora é certa e se seu corpo esta tbéin preparado !
    Use sempre preservativos, tome sempre pilulas e essas coisas do tipo !
    :DD
    Obgdaa ! ♥
    By: Lorenna Gomes !

  • ola so delcia tenho 15 anos e engravidei com 14 a minha filha e a coisa mais linda do mundo ela tem 4 meses.no comeso da gravidez foi um pouco complicada a minha familia descobrio com 3 meses e ficarao muito triste comigo e o meu namorado m aconselho nao tirar mais eu tinha muito medo de ter um filho porque so muito nova e ele disse para me. se eu tirar o nosso namoro vai acabar ele m disse para me falar na minha mae que ele averia de falar no pai dele mais eu de medo nao falei e disse a ele que contei e aminha avo m mando tirar ele ficou muito triste e ai nos tivemos uma briga e nos deixamos mais ele penso que eu ja tinha tirado e ficamos assim a minha familia aceito e ele depois ficou a saber que eu nao tirei e ficou asustado as nossas familia conversarao mais nos nao voltamos porque ele comecou a ter um comportamento negativo mais ele ia m ver guando eu estava gravida e depois paro de ir miver e depois eu tive o bebe e ninguem le contou ele ficou a saber da boca de um amigo mais isso e so a metade da historia xtau bj e nao fazem abortos se cuidem-se quem namora espera ficar gravida luyane MINHA Linda

  • Oie, eu tenho 16 anos estou gravidaa de 6 meses, e minha familia aceitou numa boa teve criticas do meu pai e minha mae, com razao mais minha mae nao pode se lamentar pq ela nao conversava comigoo mais eu sabia do perigo. Ela nao qer que eu case com meu namorado, pq ela fica me igualando as outras pessoas pq se vc morrar com ele vcs nao vao durar muito, ele vai se cansar de vc cedoo, e vc dele. Mas eu acho que se eu nao pensei antes agora eu tenho qe enfrenta tudo com meu namorado que é oque eu prescizo realmente pra minha vida me sinto feliz, livre e amada com ele, e isso é muito bom. Ele falo pra ir morrar com ele pq ele qer chegar em casa do serviço e ver a filha dele ali e eu do lado dele o-apoiando. Minha mae disse qee cria minha filha mais eu nao qeroo isso qero construir uma familia.Sera que eu vou morrar com ele ?? Me ajudem por favor. Obrigadaa : )

    • Lyri se o seu namorado gosta de vc, é uma boa pessoa, te trata bem, e vai sustentar vc e a filha dele, vcs devem sim viver juntos e construir uma familia, ate pq hj em dia é raro o namorado queer assumir a responsabilidade e se ele esta fazendo isso ja é um bom sinal de q ele é uma boa pessoa. Qto a sua mae criar a sua filha, acho q quem tem q criar o filho é a propria mae. E se vc pode fazer isso, se esta tendo a chance de vc propria criar o seu filho, faça isso. Faça isso p/ nao se arrepender mais tarde de ter deixado o seu filho p/ ser educado por outras pessoas. Bjs e boa sorte.

  • Posso dizer com muita certeza que eu amei esse comentario… tenho 23 anos graças a Deus tenho uma otima cabeça… nunca fiz essa besteira de ter filhos antes do casamento… moro com meus pais tenho um vida boa… estudo… sou tecnica em fermagem… vejo cada situação q só Deus pra ter misericordia…. irei contar uma historia de uma garota de apenas 13 anos… seu corpo ainda de criança… sua mente imatura… mais tive uma conversa com ela… dei forças pois ja naum tinha mais solução, ela está gravida… fugiu de casa, seus pais naum sabem q ela se encontra nessa situação… ela vai dar a criança e voltará para sua casa quando tudo tiver resolvido… Digo a todos: tenham cuidado… o sexo naum é pra fazer só por fazer… isso Deus deixou pra vc fazer quando for casada… tenha responsabilidade… naum precisa ter idade pra pensar se vc sabe transar sabe pensar o q pode acontecer depois por favor ninguem hoje é tão burro… estamos no seculo XXI. Fikam na paz… se cuidam em vez de procurar o pecado e uma gravidez sem resultado procura adorar a Deus isso vale apena ok!! VLW…

  • Cara, vou fazer 15 anos, e estou gravida, não concordo com esse texto, não, a gravidez na adolescencia não é um problema, não é porque a mãe é nova que não tem responsabilidade pra criar uma criança. Não é por causa de uma criança que nós não vamos concluir nossos estudos, pelo contrário, há um motivo a mais para isso acontecer, dar um futuro bom pros nossos filhos, toda mãe sonha com isso. Por isso são poucas que não concluem o E.M. podem até ficar um empo sem estudar, mas depois voltam, TODAS as adolescentes grávidas que conheço concluiram os estudos, eu não vou ser diferente.

    • Ola Yasmin parabens pelo seu bebe, q bom ver uma adolescente grávida e com responsabilidade. O texto refere-se as adolescentes que em geral ficam gravidas e quem acaba por criar os filhos (delas) são os avós já que ela própria não assume responsabilidade em ganhar o sustento do seu filho. Boa sorte.

    • Yasmin, acho que você tem algum problema mental, pois o texto refere-se às adolescentes que têm problemas, que abandonam os estudos. Você realmente acha que “estudo” se limita ao ensino médio??
      Você acha que terminar o ensino médio é o mesmo que “terminar os estudos”??
      Pelo amor de Deus, não se iluda, querida.

  • Em parte concordo com o texto.
    Ser mãe na adolescnceia é BARRA, meus pais se decpcionaram, ainda lembro do dia que contei, mas pelo menos me apoiaram depois. Eu engravidei com 17 naum por falta de dialago, acho que foi por inocencia nas coisas. Foi ruim na hora, mas hj sou uma pessoa mais madura, mais responsavel, tenho 26 anos e já fiz faculdade e até sou noiva ( de outro cara..) graças a Deus ao contrario de varias mães adolescentes, meu namorado assumiu mesmo a criança, e meus pais me ajudaram na historia toda.. Ela já tem 8 anos de idade e amo mto ela, naum me imagino sem a isabela!

  • OI TIVE MEU PRIMEIRO FILHO AOS12ANOS HOJE TENHO14ANOS NÃO ME AREPENDO DE TER TIDO O KLEBER LUCAS POS AMO MUITO MEAREPENDO POR ME DEIXAR LEVAR PELO PAI DELE ME SINTO ENVERGONHADA ME SINTO CUPADA

  • OI eu tenho 15 anos e estou gravida da minha princesinha não me arrependo de ter ficado gravida,um bebe e uma alegria,minha mãe claro que ficou assustada porque eu era da igreja ,ela disse que por eu ser da igreja eu não poderia ter feito isso,e que eu era uma criança,mas ela disse que eu teria que ter de agora endiante responsabilidade,ela tudo bem me mandou embora de casa,agora estou na casa de uma amiga,o pai nem quer saber mais de mim quanto mais do nene, esta sendo uma barra ficar longe de casa,estou ja no 5 mes de gestaçao,e quero o melhor para a minha filha,minha mãe nunca falou comigo sobre sexo,o que eu hoje sei e o que a escola e as amigas falam,nunca me abri com ela(mae),mas continuo indo a escola por enquanto que a Shopphya não chega.
    beijnhos

    • agora vc vai conversa com sua filha sobre sexo!!!
      e preparara para nao engravidar sedo de mais ne !!!
      nao se deixa levar pelos play boy ne que so quer engravidar e nao asumir!!!
      beijos pra ela e pra vc !!!

  • eu teno 15 anos e estou achando que estou gravida, amanhã vou fazer exame de sangue e estou morrendo de medo de ver o resultado. minha mãe está me apoiando apesar de que a gente não conversava muito antes, mas agora estamos super bem. meu medo é meu pai e o resto da família. meu namorado é a melhor pessoa do mundo pra mim, disse que não vai sair do meu lado e quer morar comigo e casar se o pior acontecer, tenho medo também de perder a criança, porque ser mãe é um dos meus sonhos, não queria que fosse agora, mas se for eu vou receber essa criança com todo o amor que eu puder. rezem por mim, e se cuidem.

  • Acho que é inrresponsabilidade das meninas,e um pouco pressa, se elas nao se cuidao isso gera um filho, óbvio, e em questao de ficar frustada, depende mt da mãe. ficar frustada porque, quem procura acha..Quem engravida na adolescencia esta perdendo a vida, liberdade e tudo mais .. mas cada um com sua cabeça ngm tem nada a ver com a vida dos outros (Y)

    • É verdade Larissa ninguem tem nada a ver com a vida dos outros, desde que estes ‘outros’ qdo engravidem assumam
      total responsabilidade pelos seus atos e criem seus filhos sozinhos sem dependerem de pai e mãe.
      😉 Isso sim é ter responsabilidade, fazer o que bem entende, e assumir as consequências sozinha.

    • eu ………………. pq pensei q ñ podia embucha e pensava q meu companheiro era estério e sem camisinha é mas gostoso. agora estou indo para 5º mes de gestação . tudo otímo.. Bjs.

  • Sou psicólogo e achei muito interessante, tanto o texto, como os comentários de quem viveu a experiência de ser mãe logo cedo. Biologicamente falando, considera-se que o corpo feminino está preparado para desenvolver uma criança a partir dos 19 anos, momento em que os ossos dos pulsos fecham e indicam que o amadurecimento chegou ao fim. No entanto, mais que a biologia temos de considerar a sociedade em que vivemos, em que o jovem vem quebrando regras engessadas, do tipo “porque sim”, além da quantidade imensa de informações e acesso à vida que hoje dispomos, e que há uns 20 anos atrás, para não irmos mais longe, não tínhamos. A grande questão, portanto, deverá estar pautada daqui em diante, nos próximos anos, na orientação, não apenas do uso de contraceptivos, mas no que tange à conscientização sobre o uso pouco refletido da liberdade que hoje nossos joven tem, até por imposição coletiva de um processo social de aceitação e modernidade a que estão expostos e, em função disso, no tanto que são cobrados a serem, por assim dizer, modernos, “pra frente”, ou sei lá qual é a gíria do momento para se definir aquele jovem que está na vanguarda do proceso evolutivo da sociedade em que vivem. Sem uma conscientização adequada no que diz respeito à implicação que seus atos trazem para si e para todo o contexto no qual estão inseridos, não conseguiremos diminuir mais o número de casos de gravidez precosse que vemos nos dias de hoje. As meninas, sem cairmos na questão moral e desprovido de qualquer emoção, precisam se valorizar mais. Precisam entender que os rapazes não estão prontos para amá-las verdadeiramente, pois ainda estão em franco processo de evolução e em busca de novas conquistas, inclusive, de várias meninas e, por isso mesmo, no máximo o que conseguem, é ficarem apaixonados pelo jeito das meninas, e não por elas exatamente. Em suas fantasias decorrentes de uma explosão hormonal como nunca haviam sentido antes, são capazes de jurar que acharam o amor da vida deles e que nunca mais se separarão da sortuda que “aprisionou” seus corações. No entanto, o que o jovem entre 14 e 20 anos quer é, desculpem-me a franquesa, ejacular, e ejacular em uma deusa, já que nessa fase as meninas são explendorosas, com tudo no lugar e com os hormônios, assim como os deles, à flor da pele. Por isso, considero que a educação sexual dos adolescentes e jovens deveria ir muito mais além do que ensinar a essas crianças, métodos para evitar que engravidem. Um fato curioso, por exemplo, e que ninguem ousa explicitar, é o fato do tempo do homem ser mais curto do que o da mulher, no que diz respeito à chegada ao orgasmo. Isso significa, a grosso modo, que é natural, por não haver a devida orientação, que as meninas se sintam frustradas desde muito cedo, porque seus companheiros não a esperaram, ou não aprenderam a esperá-las para que chegasse ao orgasmo juntos, ou pelo menos, em tempos que propiciem satisfação aos dois e não a apenas um deles, em sua maioria, ao elemento do sexo masculino. Desta forma, se nossos rapazes aprendessem a respeitar mais o tempo das suas companheiras, já seria meio caminho andado para se evitar a gravidez precosse, pois quem tem aprende a respeitar a menina, que se tornará mulher, aprende, por consequencia, a ter mais controle sobre seus impulasos ejaculatórios. Isso não descarta o uso da contraceptivos, de forma alguma, mas ensina o respeito ao próximo, sem que precisem ficar sem fazerem amor. Sexo com respeito e consideração – é isto que precisamos ensinar as nossas meninas a pedirem e / ou exigirem dos seus parceiros; e isso o que precisamos ensinar aos nossos meninos a promoverem quando estiverem em franca conjunção carnal com sua menina. Precisamos ensinar nossos jovens a verem-se como seres humanos que são, bem como nos adultos que se tornarão, já que é dificil para eles entender que um dia, por exemplo, envelhecerão. É isso. Até breve.

  • Ola, tenho 17 anos e tenho uma filha de 8 meses eu tiver ela com 16 anos e não me arrependo apesar de te sido cedo e tive que para de estuda durante a gravidez.Minha filha é a coisa mais importante da minha vida .Minha familia me apoiou muito meu namorado tambem pois ele não queria que eu aborta-se, ele disse se eu aborta se ia terminar comigo pois eu tbm não queria.Não foi so pq fui mãe cedo que as portas do mundo se fechou pra mim pois ainda faço meus curso,estudo etc…
    Agora vou fazer meu curso de enfermagem e continuo minha vida cuidando da minha filha,claro que não aconselho a nenhuma jovem a engravidar cedo e sim se previnir.

  • Eu tenho uma namorada de 15 anos, eu sou louco pra ter logo meu (filho/filha), ela também é louca pra ser MÃE. Nós moramos juntos, há 1 ano, mas pensamos bastante e qremos ter nosso primeiro filho quando ela tiver 18 anos, eu parei de estudar tenho 20 anos agora e ñ qro q ela fike gravida agora, para ñ prejudica-la nos estudos…eu a amo de mais para causar-lhe esse mal combinamos de nos casar, sei q essa criança nao será desamparada quando ela vier enquanto eu estiver vivo. pois é tudo q mais queremos. Prometemos dar muito amor a essa criaça, e olhe q ela ainda não veio ao mundo…jamais vou abandona-la. Os pais dela concodaram planamente em deixar agente ficar junto. Usamos pilulas anticonsepcionais e qundo ñ temos usamos camisinha…Fazemos tudo pela nossa felicidade…Adorei o depoimento das adolecentes…São umas guerreiras boa sorte com essa nova etapa da vida de vcs…

  • oláa! Tenho 14 anos e na minha escola fomos influenciados a fazer um texto sobre este assunto. este foi o que publiquei:

    A cada ano que passa é mais comum ouvirmos falar de gravidez na adolescência, antigamente podia perceber que as mulheres tinham filhos mais cedo também, pois casavam cedo e tinham uma vida estruturada desde cedo, Anos após a idade das mais aumentou muito, virou comum ter filhos com 26 a 30 anos.
    Hoje em dia a voltaram esses índices nos mostrando que os jovens estão tendo filhos bem mais cedo, só que dessa vez as mães são pegas totalmente sem preparo, sem uma família estruturada o que muitas vezes acaba ficando toda a responsabilidade com a mãe fazendo-a, muitas vezes, deixar os estudos de lado.
    Felizmente têm jovens, principalmente os com mais condições financeiras, que recebem apoio de seus pais. Mas para a maioria dos adolescentes a realidade não é essa, muitas destas ou passam fome o que leva a doarem seus filhos à instituições por não poderem cria-los, até porque o pai muitas vezes desaparece.
    Ao meu ver parece que por mais que os mesmos tenham acessos a todos esses recursos não conseguem formar uma ideia própria ou até mesmo ter noção do perigo que estão correndo ao descarta-los. Como muitas comentaram, é realmente complicado para alguns pais comentar sobre esses assuntos com seus filhos, e se os pais não conseguem acho que deveria, então, a escola ajudar nesses aspectos para reduzir esses índices.
    Por causa da correria da vida nem mesmo os professores tem um tempo para realmente conversar com os alunos sobre ensinamentos para a VIDA. As escolas estão só preocupadas em passar conteúdo, e o resto, na minha opinião o mais importante é deixado de lado e se os pais não tem tempo para esclarecer isso esses jovens acabam ficando sem essas informações aprendendo da maneira mais complicada.

  • oi tenho 20 anos meu sonho como de toda mulher é ser mãe sou casada mais não tenho filho. há minha irmã teve filho com 15 anos como morava ailda com meus ela também vi todo sofrimento dela de perto quando ela descubriu que estava gravida entrou em desespero pois meu pai sempre nós falava que se levasemos neto para ele criar jogaria nossas coisas para fora . ela sofreu muito hj em dia ela está com pai do filho dela morando com ele mais eu vi que foi muito dificil para ela cuidar da criança não sabia nada ailda ela teve depresão pós parto hj em dia ela está feliz com criança ele é saudavel e tudo com graça de nosso senhor jesus !!! mais que eu digo por ter vivido trama ao lado dela para que as adolecentes se previnir por que filho é muita resposabilidade e muitas coisas muda na vida com filho hj ela passa algumas dificuldades financeiras pq marido ganha pouco ela quer trabalhar mais não tem com quem deixar e nem tem vaga nas creches … é muito dificil meninas se cuidem fiquem deus !!!bjos LULU *-*

  • Oi,Tenho 14 anos e sou tentante a 8 meses….minha monstra esta atrasada faz 1 mes …dia 24 vou fazer o teste e estou a espera do meu tão sonhado positivo,eu já amo demais o meu bb,e não vejo nenhum problema em ser mãe adolescente,tendo condições para sustentar!
    Beijos
    Boa sorte a tds!!

  • eu estou louca para ser mãe mais estou com medo de ter complicações no parto o q eu faço tenho 16 anos eu corro muito risco engravidando agora? alguem me responde por favor muito obrigada.

    • oy alessandra, pela idade k tens corres o risco de ter uma doenxa chamada fistola, certos canais vao se romper durante o parto e pode ser dificil ou entao impossivel concertar. Procure um medico, ele vai te explicar melhor. Bjx…

  • Oi 🙂
    Eu estou precisando muito de uma ajuda profissional, eu só tenho 17 anos e namoro ja tem 04 meses eu e meu namorado ja temos relações desde o 3 mes de namoro.
    A nossa ultima vez foi no inicio do ano, e minha mestruação esta atrasada há 05 dias, eu estou com muito medo de esta gravida, mas se eu realmente tiver gravida EU VOU TER ESSE(A)BEBÊ.
    O meu maior medo é dos meus pais, meu namorado esta do meu lado.
    Eu estou precisando muito de um ajuda sobre oq fazer sobre isso??
    ABORTO NEM PENSAR! ABORTO É UMA DAS COISAS Q JAMAIS IREI FAZER!
    Eu gostei muito das atituldes de muitas adolescentes.
    Por favor qm puder me ajuda eu agradeçerei muito é só enviar as dicas pro meu e-mail ………………….
    Bjssss
    Parabens as mamaes.
    Qm sabe eu não vou ser uma mamãe esse ano 😀

  • Oi, tenho 18 anos, e acho que estou grávida. Saberei daqui a dois dias, to um pouco nervosa com toda a situação mas tbm estou animada e feliz com meu bebê. Minha mãe me apóia, mas tenho medo da reação do resto da família! Porém tenho um noivo maravilhoso que tbm esta muito feliz, graças a Deus,sabemos que apesar de não ter sido planejado este bebê vem porque Deus sabe que temos amor para cria-lo. Mesmo assim aconselho todas a se previnirem, pois é uma vidinha que estará em jogo, uma vidinha inocente. Um beijo a todos, que Deus abençoe voces.

  • Eu acabei de descobrir que estou grávida, e só tenho 16 anos. Eu e meu namorado já suspeitavamos, mais agora está confirmado. Só a mãe e o pai dele que sabem, e eles vão conversar com meus pais. Estou desesperada, não sei o que fazer. Não quero ter um filho agora. Sei que fui inresponsável, mais estou muito confusa, e com medo da reação dos meus pais, e também do resto da minha família. Não sei o que fazer mesmo. Vou ter que largar meus sonhos, de estudar e etc.

  • Olá. Meu nome é Ana Carolina tenho 18 anos. Engravidei aos 15 anos, e ganhei aos 16. Hoje minha filha tem 2 anos. Eu acho um absurdo meninas de 15, 16,17 anos disserem que é normal engravidar na adolescencia, que estão felizes em ter seus filhos! Claro, adolescentes sempre pensam em um final feliz! Mas isso minhas amigas é so em contos de fadas! Eu nunca desisti dos meus estudos, graças a Deus meus pais me apoiaram depois de terem que ser obrigados a aceitar minha gravidez indesejada o pai da minha filha assumiu e na época muito apaixonada queríamos nos casar mas meu pai nao permetiu que isso acontecesse por motivos particulares e óbvios. “Lutando” para terminar meus estudos, consegui.Hoje estou estou no primeiro ano da faculdade de direito e estou noiva de casamento marcado.Desistir dos estudos nao é uma opção, pra muitas meninas e pra grande maioria na verdade é a “obrigação” pois se voce nao tem um apoio, um auxilio, voce nao consegue seguir em frente, e mesmo quando tem, nao pensem que é um mar de rosas, depois do gravidez indesejada tudo é mais difícil, tudo mesmo!Passo noites estudando e pensando na minha filha que esta com a avó pois nao tenho coragem de deixa-la com babá ou em creches, em fim, tudo muda, nada mais é do jeito que voce planejou e se for meus méritos!Voces são novas parem com essa ilusão de que o pai de seus filhos será sempre o homem de suas vidas, meus amores tudo muda! Se continuarem me contem pois voces serão excessão. Na maioria dos casos os pais também sao adolescentes, e adolescentes ainda nao tem uma opnião formada do que querem ou almejam para o futuro, ou seja, vivem o momento, para eles é “CARPIE DIEM”.
    Portanto meninas pensem bem no seu futuro, no que almejam para voces mesmas, filho é uma grande responsabilidade da qual voces nao podem fugir ou se limitar. Meu proximo filho será planejado e se realmente eu tiver, pois esse mundo esta cada vez mais cruel, coloca-lo aqui será somente para sofrer as consequencias do mesmo.Um dia quem sabe eu consiga fazer palestras sobre “Gravidez indesejada na adolescencia” pois ainda tenho muita coisa para contar.
    beijos e se cuidem!

  • ola a todas…hoje tenhu 21 anos,fui mae aos 18. de facil nao teve nada gente! o apoio do pai da criança é fundamental,mas n chega…é uma vida que esta em jogo,e um mundo completamente novo para nos! eu era a menina do papá que jamais iria engravidar antes de casar!mentira! engravidei sim, hoje sou mae e amo o meu menino…mas na altura fiquei sem chao…o meu mundo ruiu!os meus sonhos ficaram em pausa…hoje sou feliz, pk apesar de tudo, soube lutar e ganhei a melhor das recompensas…
    coragem mamãs!

  • eu acho q a meninas jovens de hoje sao imaturas e se leva muito rapido na conversa de um homem pensam q eles gosta dela e acabar fazendo coisas so pra agradar ele por isso q hoje ha jovens gravidas cedo demais ,elas nao tem conciencia do q faz e o preço e a crianca q vai ter q cuidar.

  • tenho 17 anos,e namoro com o meu primeiro namorado a 2 anos, nos conhecemos a uns 4 anos, e aconteceu do nada .. rs, E nós nunca nunca tivemos relações sexuais, porque sempre tive muito cuidado, nunca ficamos sozinho em um lugar (casa), sempre evito, quando a hora certa chegar saberemos e meus pais também rs.

  • bom eu tenho 15 anos e acabei de ter bebe foi muito dificil pra mim essa gravidez sentia muitas dores. me arrependo sim mas não da minha filha e sim de não ter me previnido corretamente agora perdi minhas amizades minha liberdade meus estududos e minha adolescencia pra curtir mas fazer oq agora é seguir em em frente pois não tem como voltar atraz

  • oi! só gostaria de deixar um agradecimento a todas as pessoas que postaram suas histórias d vida e suas opiniões sobre a gravidez na adoescência!
    eu e uma amiga minha resolvemos escrever uma peça para o teatro da escola em que fazemos parte para participar de uns concursos de artes cênicas na cidade e em mais umas apresentações regionais!O tema que escolhemos foi a adoescência desde o antigo egito até o dias de hoje, contando sobre o modo de vida e as dificuldades que os adolescentes passaram des daquele tempo até hoje,e eu fiquei encarregada do texto de uma adolescente(uma honra pois eu vou escrevê-lo e provavelmente farei o papel da jovem) que descobriu que estava grávida e, quando eu fui escrever, decidi pesquisar mais sobre o assuto e esse site foi o que mais me ajudou, vendo como as meninas agiram e pensaram em diferentes casos!quero de coração agradecer a todas que escreveram aki e que me deram tanta inspiração pra o meu texto!!
    Obrigada!!!

  • oi eu queria agradecer as pessoas que postaram a sua historia e suas opiniões, e que todos os que ler essas historias penssam e reflitem antes de pensar ou agir.

  • Tenho 19 anos.. engravidei aos 18… pra mim foi muito dificil aceitar, fiz o teste de farmacia com um mes e deu positivo, na hora entrei em estado d choque e disse a mim mesma “nao estou, isso nao pode acontecer comigo”… Acabei me apegando a isso, e apesar de observar as transformaçoes que iam me acontecendo, eu nao me sentia uma gravida ou melhor nao acreditava que era gravidez.. o tempo passou , as pessoas ja estavam perguntando, até que resolvi fazer um exami d sangue… que deu positivo… na hora eu nao gostei… dei inicio aos acompanhamentos medicos e descobri que estava com quase 7 meses.Percebi que estive mentalmente doente, pois coloquei em minha mente que nao estava gravida e o pior acreditei nisso mesmo diante de todos os sintomas que uma gestante tem. Minha familia aceitou bem e estou morando com o pai da criança agora. MAS MESMO ASSIM AS VEZES me pego chorando pelos cantos, lamentando coisas que eu poderia ter feito e nao fiz… espero que essa sensaçao horrivel um dia passe por que eu detesto sentir isso. Ha .. e pra piorar fui super maltratada no parto, era de madrugada e a medica estressada gritava comigo, e jogava na minha cara frases como: -vc nao queria ser mae???agora aguenta…
    nunca mais me esquecerei daquela medica…

    • Maya, fique tranquila isso vai passar, voce ainda vai ser mto feliz, e médicas como esta que te maltratou infelizmente realmente existem, devem ser frustradas, recalcadas….mas a vida se encarrega de as ensinar a serem seres melhores. 🙂 Boa sorte p/ vc e o seu bebê.

  • OI:TENHO 16 ANOS
    A MINHA PRIMEIRA RELAÇÃO FOI AOS 15 ANOS DE IDADE
    EU PRESSISO DE A JUDA EU NÃO TENHO
    SERTESA MAIS EU ACHO QUE EU POSSO ESTAR GRAVIDA COMO EU POSSO FAZER COM
    ISSO SO QUE E CLARO
    QUE EU NÃO QUERO EU A CABEI DE FAZER
    16 ANOS HOJE EU SOU MUITO GOVEM PARA TER UM BEBE COMO EU POSSO FAZER COM ISSO.
    OBRIGADA…

    • Olá Francine, a única coisa que vc pode fazer “com isso” ou seja com uma vida que vc carrega dentro do seu ventre, é ter dignidade, e responsabilidade e assumir as consequências de um ato impensado. Ser mãe é uma dádiva divina, ter um bebê é uma benção na vida de uma mulher, lembre-se que mtas mulheres queriam ser mães e mtas vezes por algum motivo de saúde não puderam ser.
      Por isso seja íntegra, e assuma seu bebê com amor e carinho, e deixe de lado idéias de não querer te-lo, até pq não sei se vc sabe mas aborto é crime.

  • eu nunca quero ter um filho cedo eu quero viajar por todo o mundo primeiro me formar em veterinaria e biolaga marinha ai depois cm 33a 35 anos eu pensso em ter um filho

    by:isis ribeiro

    brigadaaa

  • oi tenho 13 anos nunca fiz relações sexuais eu não namoro porque eu não tenho idade vou namora quando eu tiver 15 anos e fazer relações sexuais quando eu tiver preperada fisica, psicologica e sosial.
    Ingravidar na adolescencia não e nenhum mal nem crime nem burresa,e so inrresponsabilidade ou um acidente.
    quando um adolescente ingravida a culpa e dos pais que não dão informação para os filhos,muito controlo dos pais mais falta de informação mesmo dos pais para os filhos.
    minha mãe teveme na adolescencia a minha mãe teve-me de 17 anos ela era timida ela não era de namorar era,ela ingravidou por causa de muito controlo dos meus avos não a deixavam sair um dia ela saio ela não tinha nenhuma informação e asim foi ela ficou gravida quando os meus souberam a minha avõ mandou ela para rua mas depois o meu avó mandou-lhe vir para casa o meu pai não tava asim para ela a minha mãe foi viver na casa dos pais do meu pai quando mandaram ela para rua o meu pai não me da nada nem a mim nem o meu irmão hoje tamos todos grandes eu de 13 anos o meu irmão de 11 vivo feliz com os meus avos minha mãe ta no estrangeiro traballhando por nos ela vai nos boscar para irmos viver com ela no estrangeiro hoje os meus avos deixam me sair não me dão muita liberdade estou sempre imformada so dezimvolvida mas as aparencias enganam pensar q esta preparada.
    hoje eu vivo feliz a minha mãe não tem duvida de ter eu e o meu irmão minha mãe hoje tem 30 anos ela e nova e linda agrdeço ela q me deu a luz ela não se arrependeu de ter tido eu e o meu irmão vivemos felizes eu tenho tudo o meu pai não nos da nada não sentimos falta dele ma ele fica a dizer k ele tem dois filhos lindos grandas k ela da tudo eu não dou muito com ele eu sou comprenciva.
    e isso e um exemplo k eu tenho da minha mãe nem suas colegas lhe ligaram quando souberam k ela ficou aquele ano por causa d e estar gravida
    hoje vivo feliz com o meu irmão e minha familia .
    esse e o meu conselho previnen-se não deixem as influencias lhe inganar nem as aparencias.
    e se ingravidar não abordem e crime e é um ser k esta a desfazer.
    por isso mantem informada tchau beiiiiiiiiiiiiiiiiijos
    boa sorte as k são mãe e as k vão ser.

  • oi! Meninas! Kero dar um cnselho a todas vces, n vivam como se fosse o fim, mas vivam como se fosse o inicio. A cada dia temos a oportunidade d recomexar, n se apresem, para tudo ha um tempo, nos n traxamos o nosso destino seguimos o destino k ja alguem traxou pra nox, alegren-se cm as barreiras k a vida nos coloca pois elas nox fazem crescer. Sejam firmex e digam n ao aborto…

  • Oi meu nome e Tainá tenho 14 anhos estou gravida de 6 mêses,estou com o pai da criança ele tem 18 anos e vai assumir a sua responsabilidade,estamos muito felizes nosso filho e menino e o nome e Yuri,bom no comeco do meu namoro com do meu namorado meus pais amava ele depois q eu fikei gravida eles passaram a ter raiva do meu namorado.No comeco da minha gravidez q eu estava de 3 meses e meio minha mãe me bateu que eu fikei roxa,depois eu tive um desentendimento com uma amiga por que td que ela falava ela queria bater na minha barriga é minha ,meu namorado foi com a irmã dele q conhece a mãe da menina e conversou com os pais dela,no outro dia minha mãe fikou sabendo e foi na hora da entrada na minha escola e me segurou e a menina me bateu,eu pensi em abrir um boletinho contra a menina e contar minha mãe mas tive medo da justica tirar meu filho e preder o meu namorado((o pai da criança)).
    E eu queria poder viver minha vida com o meu namorado((o pai do meu filho))mais meus pais não deixa,minha mãe naum quer que eu fike com o pai do meu filho mas nós queremos fikar juntos,ela não quer deixar eu e o meu namorado ir comprar as roupinas do bebe ela quer q eu pege o dinheiro para eu e ela comprar,minha mãe ela fala muitas coisas para mim eu sei q minha vida vai mudar mais meus sonhos vão continuar naum vou parar meus estudos e vou fazer o que eu sempre quiz ser MODELO vou tentar depois da gravidez o meu namorado vai me ajudar a fazer meu Buke de MODELO.
    Mas eu queria que minha mãe deixase eu ver meu namorado meios de semana em so posso ver ele sabado e domigo,eu to com 6 meses dia 9 eu faco 7 meses e ela não deixa eu passar mais tempo com o meu namorado.Estou feliz meu namorado ate antes de eu estar gravida era carinhoso comigo agora q eu estou gravida nossa ele e muito muito carinhoso,atencioso,etc… Queria passar mais temo com meu namorado,queria conversar com meus pais mais tenho medo meus pais são muito iginorantes não me deixa falar so sabe gritar comigo…!Bom essa e um pouco da minha historia,queria queria uma resposta,estou precisando Bjos fike com DEUS….
    Obrigada Pela Atenção

    • Tainá, desculpe a minha sinceridade, mas vc deve ir viver sua vida com o seu namorado. Veja se consegue encontrar um advogado que possa te ajudar nisto, vc so tem 14 anos e tem q pedir uma orientação a um advogado sobre como deve proceder p/ seguir a sua vida junto com o pai do seu filho. Cuide da sua vida e da vida do seu filho, siga em frente menina, deixe os palpites de familia p/ lá. O importante é q seu namorado quer assumir vc e seu filho, construa com ele a sua familia, e dê valor ao que Deus está de dando.Procure um advogado.

  • Gostaria de parabenizá-los por abordarem um assunto tão preocupante hoje e que muito pouco se é falado.A matéria ficou exelente,muito bem exclarecida e um alerta as muitas jovens que não pensam nas consequencias e quão é tranformadora um agravidez precoce.Gostaria muito de saber quem é o(a) autor(a)da matéria,atraves de e-mail.
    Desde já agradeço

    • Olá Nivanda, obrigada pelos elogios, o texto deste artigo é de propriedade do http://www.bigmae.com foi elaborado pela nossa gestora de conteúdos.Caso quiera utiliza-lo p/ algum trabalho, poderá faze-lo desde que mencione o site bigme.com e o link do mesmo. 🙂

  • Bons dias tenho 15 e nao sei se tou gravida. Minha menstruação veio dia 4 do mes passado e tive relações com o meu namorado na semana em q fizemos 1 ano de namoro (dia 13 a dia 17, nestes ultimos dias teem-me dado enjoos, dores de barriga um pouco fortes e mal cheiro ou como queijo dao-me vomitos, tambem reparei noutra coisa, ontem saiu uma especie de substancia branca de um mamilo, estou muito assustada e n sei que fazer pois ja nao estamos juntos. será que estou gravida?

    • Você ja fez o teste , o melhor agora é fazer pra você ter certeza se estar ou não gravida !
      quando fizer responda, tenho 15 anos e comigo aconteceu a mesma coisa, fiquei muito nervosa por ser evangelica,fiz o teste de sangue e deu positivo ! Meus sintomas foram quase os mesmo minha mestruação ja estava atrasada 2 semanas, estava com muita tontura, e enjoo.

  • olá sou Picanty, é só para dizer que, falar da gravidez precoce ou seja na adolescencia é muito importante para o mundo de hoje uma vez que muitos adolscente não conseguem controlar-se nos seus actos sexuais e cometem tais erros .
    aviso a todos os adolescente que procurem prticar tais actos quando sentiren-se que estão na altura serta isso ppara não virem à arrepender-se depois
    Este é o meu contributo com relação a este tema.

  • olá sou a Paula tenho 19 anos e estou muito apaixonada pelo meu namorado que chama-se B.K .ja namoramos 3 meses e nós amamos muito .ja alguma vez pensamos em ter filho .mas´, achamos que ainda não é a altura certa porque eu estou a estudar e ele não tem emprego fixo e penso que teremos quando eu terminar os estudos porque não temos muita pressa

  • Oii. Eu tenho 19 anos, estou no 3º mês da gestação. No começo foi complicado, eu e meu namorado não esperavamos. A reação da minha família também foi um pouco tensa. Hoje tudo está se acalmando. Já sou completamente louca pelo meu nenem,e em ksa as coisas também se ajeitaram e agora está tudo bem. Eu e meu namorado estamos beem, e ele está totalmente do meu lado. Não acho qe um filho na adolescencia seja o fim do mundo, pelo contrario … é um recomeço. Dificuldades encontramos sempre mais elas estão ai para serem superadas.

    • Olá Je, que bom que vc aconteceu assim, mas isso não é regra, ao contrário é excessão. O seu namorado teve carater e assumiu a paternidade, mas a maioria some, e quem acaba por criar os filhos destas adolescentes são os pais destas. E além do mais felizmente vc já não é mais uma adolescente não é mesmo? Já é uma mulher desenvolvida, e que em último caso tem condiçoes de trabalhar para criar o seu filho. Parabéns e felicidades pra vcs.

  • Tenho 16 anos, e estou quase tendo certeza que estou grávida, e não sei o que fazer, até porque meu namorado não quer ser pai agora, acho que ele não gostaria da idéia, EU ACHO, mais também nem comentei nada com ele ainda, mais pior de tudo é minha familia, porque minha mãe é muito rigorosa, mais ela também nunca conversou comigo, tenho mt medo da reação de toda minha familia, estou realmente desesperada, me ajudem alguém por favor, me diz o que fazer!

  • tenho 22 anos meu sonho é ser mãe ,sou casada a 3anos queria muito sonho tanto em ter um filho
    meu marido não ta nem ai pois ele já tem um filhaa com outra, quem criar é a mae dele ,eu nao estou trabalhando e tenho medo de engravida agora e nao consegui arranja emprego logo queria sabe oque faço mim der uma opinião pode envia tbm ppor mal obrigado

  • oi tenho 17 anos tive meu filho com 16anos hoje ele tem 1ano e 3 meses entao decidir entrgar meu filho para o pai que ja tem a vida feita e nao tenho apoio familiar para mim poder estudar e trabalhar entao decidir fazer isso sera que foi correto eu tentar dar o melhor de mim para ter uma vida melhor e futuramente dar para ele tbm entramos num acordo que eu vou poder ta vendo criança nao to abandonando meu filho vou estar presnte na vida dele so nao vou poder educalo foi errado da minha parte to me sentindo um fracasso de mae me respondam logo por favor?

    • oi tenho 14 anos e na minha opnião andressa não se culpe p/ poder dar um futuro para seu filho vc terá q se estabelecer primeiro só não perca o contato com seu filho boa sorte

    • minha crida por min se de momento nao tens condicoes de crialo o melhor e o q fiseste se os teus pais ou tios nao te agudam ai sim caso nao ele estaria contigo mais digote eu ficaria com ele de qualquer geito com ou sem bens materiais porque uma mae nunca abamdona o seu filho dirias a ele que enviace dinheiro mensalmente bjs cuida de ti tambem tenho uma filha.

    • VC NUNCA SERÍA UMA MÃE BOA SE VC ESTIVESSE CRIANDO ELE PQ OS DOIS IRIÃO PASSA NESSECIDADE ENTÃO O IMPORTANTE FOI VC Ñ TER ABANDONADO ELE ENTÃO VC É UMA VITORIOSA SEMPRE ACOMPANHE SEU FINHO PQ PODE O PAI DELE FALA QUE VC O ABANDONOU SEMPRE ACOMPANHE O CRECIMENTO DELE MUITO OBRIGADO POR Ñ TEM ABORTADO TÁ…BJS DE JULIANNA TEIXEIRA DE SOUZA.

  • oy adressa! Tu tens k pensar no teu filho agora e no futuro dele, ate porque tu nao fizest o filho sozinha o pai dele tem d contribuir de certa forma para a educacao e prosperidade dele. Forca ai! P ti e p teu filho.

  • olha eu acho q tem que se previnir quanto a hitoria de gravidez sabe ser mae nao é tao facil quanto parece vc tem q com seus pais ou responsaveispor vc isso nao e correto sair tranzando com todo mundo quando dois nao querem dois nao fazem

  • na minha opinião eu diria que assim que já és mãe apenas aprendeste que na vida enxiste altos e baixos. para todos os adolecentes porfavor quidem-se. sem mais…

  • Bm so kenia Cerqueira hoje dia 23/04/12 esto fasendo um trabalho sobre gavidez precoce e presiso q vcs maes adolecentes postem oque acontecel cm vcs no perildo da gravidez de vcs obrigada

  • Todos nós sabemos que a adolescencia é um periodo de descobertas. Acredito que a gravidez precoce acontece por falta de dialogo entre os pais destes adolescentes, porém um dos meios de previnir a gravidez na adolescencia seria a participação da familia orientando seus filhos e a escola incluir projetos que envolvam temas relacionados a Gravidez na Adolescencia, Doenças Sexualmente Transmissiveis (DST), e outros. E é importante que a familia dos educandos participem das palestras.

  • eu acho q essa guria tem q tomar vergonha na cara se ela teve corage de …………… para o pai da crianca ela tem q ter coragem de assumir o seu filho pq a crianca nao tem culpa de ter nascido numa relacao complicada…

    • esse texto ele esta ensinando a ter uma vida melhor é o q eu acho essa pessoas tem filhos e muitas dela abortam eles isso ta errado ñ assumem seus filhos e vai parar na justisa ou acabam morrendo se cuide,se previ use camisinha vai ser melhor para sua vida

  • meu bem sei k um dia deus vai dar-t essa oportunidade de ter um filhinho maravilhoso. mas para isto prepare o bem estar dele… ñ decista de procurar emprego, qm luta sempre alcansa… cuida-te…

  • Fez bem em dar a criança ao pai afinal é o pai melhor que por exemplo vender, ou doar ou até mesmo fazer um aborto ainda bem que não fizeste força querida mas como a poliana dissw só não perca o contacto com o seu filho

  • EU JÁ PENSO QUE AS MENINAS ADOLESCENTES DE 15(QUINZE) ANOS DE IDADE,COM A IDADE DA MINHA BOA AMIGUINHA ADOLESCENTE AMANDA(AMANDINHA),JÁ FICAM É GRÁVIDAS DOS NOIVOS DELAS E DOS MARIDOS DELAS!!!!!!!!!

    • Que bom David 🙂
      Ao menos se elas tem noivos e maridos, supõe-se que os respectivos pais estarão ao lado da mãe e do bebê nos momentos em que eles precisarão de apoio. Isso é sinal de responsabilidade e consciência. Fizeram o bebê e
      assumirão a responsabilidade por estarem juntos e cuidarem da criança! 😉

Deixar 1 Comentário

Captcha