Você já ouviu falar das Mães da Sé? Mães da Sé é o nome popular da  ABCD –  Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas, uma associação que merece ser divulgada pelo maravilhoso trabalho humanitário que realiza junto aos familiares de crianças desaparecidas. Você deve estar se perguntando porque a Associação é conhecida popularmente como Mães da Sé, o nome originou-se no fato de que  uma vez por semana mães de crianças desaparecidas reunem-se em frente a Catedral da Sé no centro de São Paulo com o mesmo objectivo, ou seja, encontrar seus filhos queridos desaparecidos.

Segundo a Delegacia de Pessoas Desaparecidas do Estado de São Paulo, ligada ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), uma média de 60  casos de desaparecimento de pessoas são registrados diariamente na capital paulista; são adultos, adolescentes, crianças, bebês, pessoas do sexo masculino e do sexo feminino.

A ABCD tem como principal objetivo atuar em cooperação com as autoridades do país,  auxiliando na busca de pessoas desaparecidas, também oferece apoio jurídico, psicológico e assistência social aos  familiares ou amigos associados. A ABCD tem mais de 5.000 casos de pessoas desaparecidas inscritos em seus cadastros.

Conheça o site e saiba mais sobre o trabalho da ABCD:

– ABCD – Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas – Mães da Sé

Endereço:
Rua São Bento, 370 – 9º andar conjunto 91 sala 02
São Paulo – SP – Brasil
Telefone: 00 55 11 3337- 33 31

Foto, imagens e informações retirados do site da ABCD!

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

3
Deixe um comentário

2 Comentários da discussão
1 Respostas aos comentários
0 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
3 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Marcus Roberto Claudino

No exórdio deste cumprimento-vos cordialmente, dirigindo-me a esta organição no intuito de conseguir informações que considero vital. Sou Capitão da Polícia Militar de Santa Catarina e estou escrevendo sobre crianças desaparecidas. Para tanto, preciso de informações que contribuirão para formulação das idéias sobre o assunto, sendo que preciso de dados como: legislações sobre crianças desaparecidas, estatística nacional, programas existentes e o trabalho diário das instituições, no que tange crianças desaparecidas, sugestões deprojetos que dão certo no brasil, etc. Seria bom também para fundamentações sobre o assunto se me enviassem histórias e casos para conscientizações das autoridades em meu estado. Minha… Ler mais »

naiara

MEU MARIDO E EU ACREDITAMOS,POR VARIOS INDICIOS QUE ELE FOI ROUBADO QUANDO ERA UM BEBE DE 1 OU 2 MESES.ELE TEM UM REGISTRO DE NASCIMENTO CONSTANDO QUE NASCEU AOS SETE DE DEZEMBRO DE 1986,EM UMA MATERNIDADE EM SÃO PAULO,COM PAI DESCONHECIDO.A PESSOA QUE REGISTROU ELE,TRABALHAVA NA MESMA MATERNIDADE NA EPÓCA DO NASCIMENTO,LOGO EM SEGUIDA ELE FOI TRAZIDO PARA O INTERIOR PARA SER CRIADO COM AVÓ POR TER CONTRAIDO MAL DE SIMIOTO,ELA NÃO TEM FOTOS GRAVIDA,NEM FOI VISTA GRAVIDA POR FAMILIARES,ELA DIZ TER PASSADO A GRAVIDEZ SÓZINHA EM SÃO PAULO,E ELE NÃO TEM FOTOS COM MENOS DE 4 MESES.ELA É PARDA… Ler mais »