O que é Raquitismo?

Gostou deste Post?

O raquitismo é uma doença que atinge toda a parte do tecido ósseo e que ocorre quando a criança está desenvolvendo o seu crescimento. O raquitismo é a deficiência de cálcio no osso, causada pela falta da vitamina D.

Geralmente  acontece quando a criança tem uma ingestão falha dessa vitamina ou ela é insuficiente para que os ossos se desenvolvam. Pode acontecer também da vitamina D não ser absorvida pelo corpo, já que ela depende da exposição à luz do sol para acontecer de maneira correta.

Outros fatores que podem causar o raquitismo são os fatores genéticos hormonais, nutricionais e culturais que podem causar a falta da vitamina D. Pode acontecer da mãe ter a falta dessa mesma vitamina durante a gravidez, o que fará com que o feto se desenvolva com a deficiência da mesma.

O raquitismo geralmente aparece entre os seis meses e o terceiro ano de vida da criança. Quando o bebê começa a andar é que os problemas se acentuam e ficam mais visíveis, já que o raquitismo causa alterações nas pernas e na coluna vertebral da criança; é comum as crianças com raquitismo apresentarem baixa estatura.

O raquitismo é mais comum em crianças que nascem prematuras e os principais sintomas que a mãe deve observar são irritabilidade, insônia e sudorese principalmente na parte da cabeça durante a amamentação. Esses sintomas só aparecem aos seis meses de idade.

Outros sintomas ainda são deformidades ósseas, fraturas, fraqueza nos músculos, dores nos ossos, baixa estatura que causa retardo no desenvolvimento, anormalidade nos dentes, distúrbios respiratórios e insuficiência cardíaca. Isso não quer dizer que o bebê terá todos esses sintomas juntos, mas é provável que se ele tiver raquitismo, um desses sintomas aparecerá.

O tratamento pode ser feito a base de alimentos ricos em vitamina D, mas apenas dois deles apresentam essas características que são o fígado e óleo de alguns peixes gordurosos. Então, a receita médica de suplementos com altos índices de vitamina D é o mais indicado e o método mais eficiente de se combater o raquitismo. A junção da vitamina D com a exposição ao sol facilita a absorção da vitamina e elimina boa parte do problema.

Mas lembre-se que o tratamento só deve ser feito com orientação médica, já que é o médico que vai definir a quantidade de vitamina D, a dieta e a exposição ao sol necessários para que a criança se recupere do raquitismo.

Veja quais os exames podem ser feitos para ajudar o diagnóstico de raquitismo: – Minha Vida – Raquitismo



Gostou deste Post?

Comentários

  1. veronica diz:

    oi meu tem filho 10 anos e voltou a apresentar os sintomas de raquitismo.
    ele fez tratamento ate os 4 anos.o que devo fazer ?sera que e preciso operar?moro no rio e em qual hospital seria melhor para trata-lo?

  2. josiane diz:

    gostei muito da pesquisa ajudou no meu trabalho!!

  3. katia barros dos santos diz:

    meu filho tem 2 anos e 10 meses e tem raquitismo. faz tratamento com endocrino tomando……………….. a ortopedista disse que
    e quase certo sua recuperaçao sem a necessidade de uma cirurgia. tenho 37 anos e tambem tenho o raquitismo, mas antigamente nao existia tratamento a base de remedios e tive que fazer 8 cirurgias, mas ainda sofro com a deformidade dos ossos e as dores que sao fortes.

  4. naayh diz:

    gostei muito , me ajudou a fazer meu trabalho de ciencias obrigado(a)

  5. camila diz:

    obrigada mim ajudou muito fazer o meu trabalho de biologia .

  6. matheus diz:

    ola pessoal, estou aki pra dizer pra vcs pais e maes que estao pra ter filhos que porfavor abrao o olho pra esse assunto pq eu tive ou tenho raquitismo nao sei, + isso é muito ruim, ruim de mais msm , Hoje tenho 19 anos e o sintoma de raquitismo q eu apresento é ter as pernas arcadas. nao sei de outras pessoas + minha vida é uma vida nao muito boa, tavez eu esteja sendo injusto pois existe pessoas bem piores q eu. mais posso afirma q viver com pernas arcadas ( tortas, tipo esses parenteses ) é uma vida de dor e sofrimento tanto fisico quanto mental e setimental. hoje felizmente nao sinto dores fisicas + ja senti muitas.NOSSA QUANTO + EU FICO PARADO PENSANDO NO Q ESCREVE MAIS COISA VEM NA MINHA CABEÇA PRA EU RELATA PRA VCS, NAO TEM COMO ESCREVE UMA HISTORIA DE 19 ANOS EM UM PQNO TEXTO. vo falar algumass das milhares coisa q uma pessoa como eu pode ter :
    aquentar zuaçao , brincadeirinhas sem graças , apelidinhos ,dificuldade em trabalho, dificuldade na vida amorosa , dificuldades na hora de comprar roupa (procuro sempre as q menos xame a tençao pra minhas pernas,roupas largas e nao justas.) dificuldades em ter q ver olhares voltados pra vc (sua perna) e fazer de tudo pra nao atrair olhares que de uma certa forma machucam. ” atrair olhares que machucam” é : nao dançar , nao jogar bola ,nao correr perantes pessoas ,evitar ir la pra traz do onibus pra ngm te olhas andar, entre outras milhares de coisas. PESSOAL NAO CONSIGO FALAR DE TODA MINHA VIDA AKI NESSE TEXTO + CONCERTEZA EU POSSO RESUMIR ELA EM UMA UNICA PALAVRA —» ” SOFRIMENTO ”
    obs : eu nunca falei isso pra meus pais , melhores amigos, pra ngm msm pq nao consigo me abrir. so estou aqui agora pq nao conheço ngm q vai ler isso e ngm me conheçe e nem nunca me viu, isso me faz me abrir um poco.
    mais tive uma vida ” normal ” pessar disso tudo. nao consigo ficar muito tempo de mal com a vida nao sei pq, pesar q nos ultimos messes to meio caseiro , meio sem animo pra sair e etc, ta vindo muito na minha cabeça isso tudo, dai to meio q sem direçao, o tempo ta passando e eu tenho q me arruma na vida ( arruma emprego) to afim de me sentir amado tb (nao amor de familia) é isso ae galera, porvafor nao deixem seus filho sofrerem asim pra previnir essa maldita doença é facil , so vcs pesquisarem. vlw fuix

    • edneide diz:

      Olá, Matheus! Depois de dois anos, li seu comentario e confesso que me senti mto feliz por vc ter conseguido externalizar um pouquinho dessa amargura, que tanto mal tem causado a vc. Conheci recentemente um rapaz com 30 anos, que além do raquitismo, tem alopecia e ele passa pelas mesmas dificuldades em relação ao passado. Ele é absolutamente normal, bonito. Mas infelizmente, não se vê assim. Quero te dizer, que em alguns é necessário ajuda de um psicólogo Matheus. Há situações em que é impossível retornar ao passado para consertá-las, mas é possivel escolher o que fazer com aquilo que vc tem. Alguns são obesos, outros negros, alguns apresentam deficiencias ou necessidades especiais,etc. Temos o poder de escolher como queremos viver. O ser humano é limitado e não consegue lidar bem com as diferenças, mas nós precisamos nos posicionar e ter a clareza de que somos mais que simples corpos. Somos muito maiores que aparencia, somos capazes de atrair boas coisas na medida que entendemos que temos o que oferecer além da estética. Somos capazes de atrair coisas boas na medida em que amamos. O primeiro objeto de nosso é amor deve ser nós mesmos. Entende o que quero dizer? Veja vc mesmo, sem o olhar da sua discriminação e ame-se incondicionalmente! Olhe-se sem o olhar da discriminação e deixe que o outro posso ver a beleza que há em vc e que transborda p sua aparencia. Vc é capaz de escolher ser feliz, apesar do outro, apesar das limitações que habitam o olhar do outro. Mas os seus olhos não devem se enganar, eles sabem que dentro de vc há beleza. Há um ser capaz de realizar e inspirar amor! Está em vc em primeiro lugar, a urgencia de mudar, de deixar a discriminação e ousar ser feliz! Não dê asas ao seu passado para que continue a te fazer sofrer no presente. Defenda-se dele. Hoje vc pode!
      Creia, quando vc se permite ver com olhos de igualdade, estará permitindo que os outros também o façam! Deus te faça completo!

  7. izadora diz:

    um assunto interesante!! que pesquisei para apresenta meu trabalho de nutriçao.

  8. isabelle diz:

    Eu amei este site, que me ajudou muito a fazer meu trabalho de ciências!!!!

  9. Caroline Rodrigues Thomes diz:

    Esse site me ajudou no trabalho de Ciências vlw mesmo!!

  10. Esther Ferrer Camara de Castro diz:

    Aprendi muito!
    Estou no 5 ano da escola,fui pesquisar muito sobre o corpo humano!
    E deu soorte!

  11. veronica diz:

    adorei tirei 100 no trabalho de ciencias

  12. Aline diz:

    Será que isso pode me ajudar no trabalho de ciências ? Sou do Conde Domingos

  13. djessica diz:

    legal. ajudou no trabalho da minha irmã.

  14. djessica diz:

    legal. me ajudou muito no meu trabalho

  15. RAFAELA diz:

    LEGAL,ME AJUDOU MUITO COM O MEU TRABALHO DE EDUCAÇAO FISICA

  16. Ruth Kelly diz:

    gostei muito,mim ajudou no trabalho de escolaaaaaaaaaa!!!

  17. KANANDA *_* diz:

    AMEI OBRIGADO MIM AJUDOU A FAZER UM TRABLHO ESCOLA TD MUITO EXPLICADO VLW.*________*

  18. carlos diz:

    tenho 02 filhas que sendo uma de 6anos muito magrinha e é menor doque as outras crianças da mesma idade
    e outra de 04 anos que fizemos um exame onde constatou que ela tinha o tamanho de uma criança de um ano a menos ou seja ela tinha 3anos mas parecia que tinha 02anos
    esta semana fui surpreendido pelo resultado do exame pois minhas filhas bem abaixo do peso mas sempre minha esposa levou a pediatra e já perguntei se elas estão abaixo do peso e do tamanho mas a resposta foi essa você(pai) é de natureza baixa e você (mãe) também é de natureza baixa e por isso suas filhas são assim e eu desconfiava mas tinha que agreditar no profissional ontem minha esposa me pediu para comprar leite ninho de caxinha pois ele contém vitamina D e na hora não entendi mas comprei o leite minha tia a noite me doou 12 litros de leite então percebi que tinha algo acontecendo com minhas filhas e estou aqui desabafando apavorado
    pois quem olha para eles observa as meninas tão espertas e cheias de energia se alguém puder me dar alguma informação eu agradeço muito. obrigado.

    • admin diz:

      Olá Carlos, de fato a médica tem razão se o pai e a mãe são baixos, geralmente os filhos tendem a ter estarura baixa e consequentemente pouco peso. O q é preciso saber é se suas filhsa ficam doentes com frequência, se são fracas, se apresentam alguns problema de aprendizagem, isto tudo so pode ser analisado por um pediatra mediante uma consulta médica. se o pediatra disser q está tudo bem, penso q nao ha com o q se preocupar.

  19. Leonardo diz:

    Valeu me ajudou na prova de ciencias …!!

  20. mariane diz:

    adorei esse me ajudou a fazer meu trabalho de ciencias muito obrigado

  21. Emanuelle Xavier diz:

    MTO BOM PARA ESTUDAR PARA O SIMULADO DO CURSINHO PRÉ-VESTIBULAR! :d

  22. LUCIA ISABEL DE BRITO diz:

    Olá, o meu nome é LUCIA, e estou aqui em São Paulo, os meus pais moram em uma pequena cidade no Ceará, tenho muitos irmãos e DOIS deles estar me deixando preocupada, pois uma sobrinha da mesma idade do mais novo esta muito mais grande, não é só isso, o outro irmão está muito grande, eu já cheguei a pedir que os meus pais os levem ao medico, para saber; se eles tem algum problema de saúde em relação ao crescimento. Mas a minha mãe sempre minimiza os problema dizendo que tudo esta bem, e que é a fase deles, eu me lembro que esse meu irmão que tem dificuldades para crescer teve insônia no período de 6meses aos 2 anos de idade. E esse meu irmão que esta crescendo mais do que eu acho que deveria, gostava de participar de apostas (quem comia mais bananas),e sempre era o vencedor. O meu irmão que cresce muito tem 16 anos, e esta com 1metro e 82cm, o que não cresce tem 13 anos, mais esta com a estatura de uma criança de 8 anos. E a minha sobrinha da 13anos esta com o crescimento adequado para o padrão da minha família, que é em média 1,60cm. nunca vi outro que cresça mais ou menos. ESSA diferença de tamanho deles, está gerando donos; para o psicológico, pois é a fase da adolescência e já são apelidados ( o poste e o tamborete) entres outros .O QUE EU POSSO FAZER PARA AJUDA-LOs?

  23. Anne diz:

    oi mim ajudou muito em meu trabalho e eu aprender ki a vitamina e ensencial pra jente

  24. Anne diz:

    obrigado mim ajudou muito no trabalho da escola eu tbm aprendir algumas coisas

  25. samuel diz:

    obrigado mim ajudou muito

  26. Marcelo Nowakowski diz:

    BOA TARDE,QUANDO EU TINHA 1 ANO FUI ABONDONADO
    FUI ENCONTRADO NUMA SITUAÇÃO PRECARIA ENTRE A VIDA E A MORTE,ME LEVARAM PRA UM ORFANATO ONDE FIQUEI ATÉ OS 16 ANOS.LÁ DESCOBRIRAM QUE EU TINHA VARIAS DOEÇAS ENTRE ELAS (RAQUITISMO).HOJE EU LEMBRO ALGUMAS DIFICUDADES DA MINHA INFANCIA,DEMOREI PRA COMEÇAR A ANDAR,CHORAVA MUITO,ERA MIUDINHO TINHA UMA BARRIGUINHA DE VERME.PARA SUBIR UMA ESCADA ERA UM SACRIFICIO.
    NA EPOCÁ QUE COMECEI A ESTUDAR AS DIFICUDADES ERAM IMENSAS DEMOREI A LER A ESCREVER. HOJE AOS 27 ANOS JÁ ESTA TUDO SUPERADO,GRAÇAS ADEUS TENHO UMA FAMILIA ESPETACULAR.

  27. maiara nascimento diz:

    boa noite;meu marido tem raquitismo ele fazia o tratamento da doença,só que á algum tempo ele não faz o tratamento e eu gostaria de saber.
    quais seriam os riscos que ele tem futuramente?

  28. josef gabriel diz:

    obrigado pela pesquisa

  29. erika motta diz:

    nossa eu gostei muito da pesquisa me ajudou muito a ter uma noçao do que e a doemsa e quais sao os simtomas

  30. luquinha diz:

    isso me ajudou muto no meu trabalho de ciencias se nao fosse e se site eu teria tirado um zero bem redondo

  31. yasmin diz:

    meu irmao quase teve isso

  32. joão marcos arruda arruda diz:

    me ajudou muito no meu trabalho pois não conhecia essa doença com este nome,tenho um vizinho que tem um filho que tem essa doença.

  33. laisa ferreguei dos santos diz:

    o site e muito bom encomendo a qualque um, parabens

  34. apoliana santos de moura diz:

    eu tambem gotei me ajudou muito

  35. yasmin diz:

    matheus eu li seu comentario e axei interessante!!!!

  36. kelly e leticia diz:

    esse texto nos ajudou mto mto no trabalho de ciencias pois vale 10 pontos entao entramos nesse site e achamos esse maravilhoso texto vleu a pena ter lido apesar de ser grande ah! essa foto da mulher q emagreceu na minha opiniao preferia ela mais fortinha entao e isso galera thau thau kelly e leticia!!!! *-*

  37. Marilia Almeida de Souza diz:

    Bom pessoal, eu tenho 24 anos, tb tive Raquitismo…. Minha mãe descobriu aos 1 ano de vida quando eu comecei a correr, percebeu q minhas pernas eram diferentes das outras crianças, e resolveu me levar no médico, na minha cidade como era de interior não tinha medico especialista e fui pra cidade de São Paulo, onde o medico confirmou pra minha mãe q eu tinha Raquitismo… começa se então a minha longa jornada de tratamento… fazia mtas fisioterapia, mtos medicamentos controlados, usei aparelho por dois anos e usava apenas sapatos fabricados no hospital das Clinicas….. Mais graças a Deus,q encorajou minha familia nesta luta, pois hoje naum tenho nenhuma deficiencia nas pernas, ando normal, se não contar ninguem imagina que ja tive essa doença…. Entaum pais levem suas crianças enquantos seus ossos ainda são manipuláveis e podem mudar…. pra q no futuro elas possam ter uma vida normal… Assim como eu tenho hoje…..

  38. gabi diz:

    me ajudou com o trabalho de ed fisica

  39. kayran diz:

    veleu pela pesquisa vai ajudar muito no meu trabalho!!!!!! :) :) :) :) :)

Deixe o seu Comentário

*

Powered by MVO® - Máquina Vendas Online