Não são todas as mulheres que conseguem engravidar pelo método natural. Muitas precisam lançar mão de outros métodos como a ‘Fertilização In Vitro’ para realizar o sonho da maternidade. Hoje, existem diversas técnicas para que qualquer mulher possa realizar esse sonho. Um dos tratamentos mais comuns é o da fertilização in vitro.

Na fertilização in vitro, o seu óvulo é fertilizado fora do seu corpo e é reimplantado por um médico no seu útero. Geralmente os médicos recomendam esta técnica quando a contagem de espermatozóides do seu marido é baixa ou você apresenta problemas na trompa de falópio ou ainda tem endometriose.

O ciclo da fertilização in vitro demora de quatro a seis semanas para ser finalizado. Algumas mulheres precisam de mais de um ciclo para conseguir engravidar. As chances de você engravidar variam conforme a sua idade; quanto mais nova você for, maiores serão as suas chances.

Geralmente são fertilizados vários óvulos para garantir que pelo menos um resulte em uma gravidez. Para estimular a ovulação geralmente você terá que tomar um medicamento por um período de oito a 14 dias; isso fará com que você produza vários óvulos por ciclo menstrual, ao invés de somente um. O médico fará um exame de sangue e um ultra-som para saber se está na hora de retirá-los.

Quando prontos, eles serão retirados por um processo chamado de aspiração transvaginal por ultra-sonografia. Após esta aspiração, o médico vai examinar os óvulos e ver quais podem ser fertilizados e quais espermatozóides que podem ser utilizados.

A fertilização in vitro não demora mais que um dia para se saber se deu resultado ou não. Eles serão fixados no seu útero num prazo de um a seis dias após a fertilização ser confirmada. Há casos de médicos que preferem observar durantes dois ou três dias antes de reintroduzir para ter certeza que o embrião se desenvolve bem.

Após introduzir o embrião no seu útero, o médico recomendará um repouso de duas ou três horas para evitar qualquer desconforto. Se tudo der certo e o embrião se fixar na parede do útero, o resultado do teste de gravidez dará positivo.

Como você pôde perceber a fertilização in vitro é um processo complexo e não está livre de riscos. Durante a estimulação do ovário você pode ter síndrome da hiperestimulação do ovário, que causa dores e inchaço nos ovários.

Durante a aspiração transvaginal pode ser que aconteça sangramento ou infecções. Quando mais de um embrião é inserido no seu útero, pode acontecer de você ter uma gravidez múltipla; o que proporciona riscos para você e os bebês.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

5
Deixe um comentário

4 Comentários da discussão
1 Respostas aos comentários
0 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
5 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Ludmila

Meu marido fez exame infertilização e o diagnostico é que ele tem pouca contagem de espermatozoide.queria saber quais as chances para eu engravidar.

Ludmila, o médico do seu marido irá orienta-lo sobre como proceder para que você fique grávida.

sandra elizabete p ribeiro

Na verdade não é um comentário,É uma pergunta eu tenho 35 anos e fiz laquiadura faz 4 anos foi cortada,Como dizem eu tenho chance de conseguir engravidar novamente com o metodo fertilização in vitro tenho 4 filhos do meu primeiro casamento,Mas meu atual marido não tem filhos e gostariamos de ter nosso filho

fernanda

boa noite, fiz um fiv no dia 15, mas deu negativo que tera corrido mal?

Nara Ângelo

Vou realizar uma fiv fora do estado onde moro, mas meu marido não pode passar muito tempo, pois ele trabalha. Gostaria de saber se pode guardar o esperma dele para ser usado em mim se a primeira fiv nao der certo. Por favor me responda. Tenho 38 anos de idade, tenho endometriose nas trompas. Obrigada