Infertilidade Masculina

Por vezes o problema de um casal não conseguir ter filho não é somente por causa da infertilidade feminina,  o homem também pode ser infértil. Mas é claro que nem sempre isso significa que o casal não poderá gerar um bebê, por vezes com alguns tratamentos essa infertilidade masculina pode ser revertida. Aproximadamente 15% dos casais que querem ter filhos apresentam alguma dificuldade. Se depois de um ano de tentativas a gravidez ainda não apareceu, é hora de procurar um especialista para saber o que está acontecendo. A mulher será examinada por um ginecologista e o homem por um urologista.

Depois de avaliar  a vida sexual do casal, o homem será submetido a testes laboratoriais para saber se há algum problema. Geralmente os exames pedidos são para verificar problemas de ereção e de ejaculação, além de um espermograma para saber a quantidade de espermatozóide que o homem ejacula.

Caso o espermograma dê menos que 20 milhões de espermatozóides por mililitro de esperma é constatado que o esperma do homem não tem espermatozóides suficientes para chegar até a trompa da mulher e assim fecundar o óvulo.

A baixa quantidade de espermatozóides pode ser fruto de infecções ou alterações hormonais e na maioria das vezes é totalmente tratável. Outro fator que pode causar a infertilidade masculina é o tabagismo, já que esse ato reduz a qualidade do sêmen e a quantidade dos espermatozóides sadios; esse processo só pode ser revertido quando o homem para de fumar.

O mesmo pode acontecer com alguns tipos de medicamentos que por ventura o homem esteja a tomar,  sendo assim é recomendado que o casal só volte a tentar uma gravidez quando o homem encerrar o tratamento e ficar livre do medicamento que reduz a quantidade de sêmen e de espermatozóides.

Outro fator que causa a infertilidade masculina é a obesidade, que também pode ser revertida com exercícios e uma alimentação saudável. O stress também pode prejudicar o homem, já que ele é um dos fatores que causam a impotência masculina.

Depois de todos esses fatores analisados pelo urologista, o médico é que vai decidir qual é o melhor tratamento para o homem para que ele possa engravidar a mulher. Caso a quantidade de espermatozóide for  insuficiente, o casal pode tentar uma fertilização in vitro para poder ter o bebê.

O importante é saber que a infertilidade masculina não é algo irreversível, já que às vezes ela é causada pelo estilo de vida da própria pessoa. Pequenas mudanças de hábito recomendadas pelo urologista poderão fazer essa infertilidade ser revertida.

Existe porém outras causas da infertilidade masculina e que obviamente podem ser detectadas pelo urologista, abaixo segue as mais comuns:

– Anomalias anatómicas
– Tumores malignos
– Causa desconhecida (idiopática)
– Ejaculação retrógrada
– Anomalias do cariótipo
– Anomalias endócrinas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO