Mãe, ser sublime que nos traz ao mundo e que por seu filho abdica do que for preciso para ve-lo feliz. Quantas doces recordações temos da nossa mãe! Recordações guardadas no fundo da nossa alma e que nos acompanharão por toda a eternidade. Eu tenho saudades da minha infância,  quando sequer supunha o que me aguardava na vida adulta!

Em homenagem à todas as mães, deixo-vos abaixo uma poesia de Fernando Cardoso, parte integrante do livro ‘Amo Logo Existo’ (Ed.Portugal Mundo), a mesma foi transcrita aqui com a autorização do autor! 🙂

Emocionem-se como eu me emocionei ao ler estes lindos versos!

Mãe

Se não fosses tu, Mãe,
eu não saberia dizer Bom-dia
às avezinhas
nem compreender que o mar
não acaba alí
e que as estrelas
não se podem apanhar com as mãos.

Se não fosses tu, Mãe,
eu não saberia
o peso do verbo amar
nem teria sido Rei
em casa de pobre.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

3
Deixe um comentário

3 Comentários da discussão
0 Respostas aos comentários
0 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
3 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Joyce Gomes

mãe eu te amo muito…
nada e ninguém esplica o que sinto por vc mãe…
teeee amoooo muitoooo…
teee adorrrooo muittooo…

ana quézia araujo gomes

mãe ninguem discreve o amor que eu sinto por vc

laryssa

adogo isso para minha maezinha do meu coraçao……