Infelizmente nos dias de hoje é comum vermos espalhados pela internet e outros meios como a televisão, vídeos onde a erotização infantil é incentivada. Pior que o vídeo,  é saber que quase sempre são os próprios pais e mães que filmam e divulgam estes vídeos, provavelmente com o intuito de tornar a filha famosa. Isto é inconcebível. A frase ‘Diga Não À Erotização infantil‘ deve ser ‘pregada’ dentro de casa, e depois para toda a sociedade.

diga-nao-a-erotizacao-infantil

Acho que estes pais e mães não pensam nas consequências que a erotização infantil pode trazer para a criança e até para a família. Um exemplo disso são os concursos de beleza mirins, onde meninas de 3 ou 4 anos são transformadas em mini-mulheres e expostas numa passarela para serem julgadas como adultas, e para tal passam por inúmeros sacrifícios.

Também podemos citar alguns concursos veiculados em alguns programas da televisão brasileira, onde meninas em tenra idade
concorrem para saber quem imita melhor as dançarinas do funk, ou as dançarinas de axé music, ou a imitar alguma mulher fruta….

Triste conceito estes pais estão passando para suas filhas, e para além do fato destas meninas não terem idade para discernir o que é moral ou imoral,  os pais se esquecem que estão expondo suas filhas à algum pedófilo ou pedófila de plantão a espera da próxima vítima.

Pais e mães, pensem bem antes de exporem seus filhos, pensem nas consequências que isto poderá trazer para eles e para o mundo. Ajude a divulgar e diga você também ‘Não À Erotização Infantil’.

Disque 100 para denunciar!!!!!

Art. 18. É dever de todos velar pela dignidade da criança e do adolescente, pondo-os a salvo de qualquer tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor. (Estatuto da Criança e do Adolescente – LEI Nº 8.069, DE 13 DE JULHO DE 1990.)

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ