Caixa de Primeiros Socorros das Emoções

Gerir nossos sentimentos, prestar atenção em nossas emoções nem sempre é fácil. Identificar nossas dores, nossos medos, nossas sensações de angústia, tristeza e analisarmos porque estamos a nos sentir assim ajuda-nos a conseguir não só compreender o momento que estamos a viver, mas também ajuda-nos a ultrapassa-lo mais facilmente. Muitas pessoas tem a felicidade de poder contar com a ajuda de um profissional especializado como um psicólogo, porém, infelizmente nem todas as pessoas têm esta sorte. E ao pensar nestas pessoas que não tem acesso a um psicólogo, é que recomendo a leitura do livro «Caixa de Primeiros Socorros das Emoções» (Editora Manuscrito)  de autoria de Maria Palha, Psicóloga, especialista em implementar programas de saúde mental em diversos contextos.

O objetivo deste livro é auxiliar o leitor a construir seu próprio Kit SOS das Emoções. Através da ferramenta «Abecedário Emocional» a leitora, ou o leitor conseguirá identificar suas emoções, descodificar o que cada emoção pretende transmitir, regular a intensidade das mesmas, reduzir as fontes de mal estar e promover mais fontes de bem estar no seu dia-a-dia para conseguir obter emoções mais prazerosas. Para tanto o livro «Caixa de Primeiros Socorros das Emoções» apresenta, propõe e sugere métodos de identificação das emoções e formas de as ultrapassar.

uma-caixa-primeiros-socorros-das-emocoes

O livro apresenta ainda através de  exemplos de vida reais,  técnicas e métodos que a autora aplicou ao longo de anos de experiência a dar consultas de psicologia e no terreno a participar de missões humanitárias, que irão ajudar-lhe a reconhecer e gerir suas emoções.

Devo dizer que por força da minha profissão e formação académica na área educacional, já li inúmeros livros de psicologia e confesso que nunca havia lido um livro que me desse orientações de como identificar emoções e como geri-las; este foi o primeiro livro que me deu elementos para pensar e agir de forma prática no que diz respeito ao que sentimos e a como agir diante de um turbilhão de emoções que nos atinge diariamente.

Fonte: Ed. Manuscrito

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário

  Subscrever  
Notificação de