Fico muito feliz de poder divulgar eventos deste gênero, porque quanto mais informada a futura mamãe estiver,  mais segurança e tranquilidade ela irá sentir durante a gravidez!  Para comemorar o Dia Mundial da Prematuridade , a Bebé Vida vai apoiar a iniciativa “Vamos ser Pais no Porto!”, desenvolvida pela Barrigas de Amor no próximo dia 22 de novembro de 2014, no Hotel Vila Galé (4º Piso), no Porto (Portugal), pelas 14h00.

Durante o evento será abordado o tema da prematuridade, sendo divulgados dados estatísticos sobre o tema em Portugal. Paralelamente serão ainda dados conselhos a todas as futuras mamãs acerca dos cuidados a ter durante a gravidez para evitar um possível parto prematuro.

Bebé Vida

Existem algumas dicas que podem servir de guia, para a prevenção de um possível parto pré-termo. Desta forma, todas as futuras mães deveriam seguir as sugestões Bebé Vida que são indicadas abaixo:

Ir ao médico regularmente

É muito importante não faltar a nenhuma consulta pré-natal, onde o médico a poderá observar e mandar fazer exames necessários para garantir que a gravidez se encontra a correr bem.

Evitar comportamentos de risco

Nunca é de mais salientar que as grávidas devem evitar hábitos prejudiciais à sua saúde e à do seu futuro bebé, como a ingestão de álcool e tabaco. Deve evitar-se ambientes com muito fumo, para não correrem o risco de “fumarem” de uma forma passiva.

Stress

O stress acumulado pode prejudicar a saúde das grávidas, pelo que é aconselhado que estas tentem não passar por situações de grande stress durante o período de gestação.

Bebé Vida

Beber muita água e usar creme hidratante

É fundamental que durante os nove meses de gravidez, as mulheres se mantenham bem hidratadas, devendo para isso beber cerca de 1,5 a 2 litros de água por dia. Um truque é observar a cor da urina: se ela for amarelo pálido, é sinal de que está a beber água em quantidade suficiente.

Por outro lado, as mudanças hormonais provocam a desidratação geral da pele. Desta forma, deve-se aumentar o uso do creme hidratante no corpo e na cara.

Alimentação

As futuras mamãs devem procurar seguir uma alimentação saudável, incluindo os vários nutrientes existentes na roda dos alimentos, para que seja o mais completa, variada e equilibrada possível. Caso seja necessário, deve consultar um nutricionista ou falar diretamente com o seu médio obstetra que a acompanha para que lhe possa recomendar uma dieta especial.

Fonte: Youngnetwork

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário

  Subscrever  
Notificação de