A alimentação do bebé no primeiro ano de vida é muito importante, pois é a fase em que as crianças  têm o  seu organismo a se desenvolver, preparando-se assim  para começar a ingerir gradativamente os alimentos sólidos.

Por isso deve-se  introduzir de forma gradual novos alimentos, até que a criança possa se adaptar a dieta da família, sempre variada e equilibrada. O pediatra que cuidará do seu bebê irá orienta-la quanto ao momento certo para introduzir cada alimento nas refeições diárias.

Nos primeiros meses o leite materno é o alimento essencial e o  mais adequado ao crescimento da criança. O leite materno é rico em lípidios e hidratos de carbono e contribui para as defesas do organismo da criança.

O período entre cada mamada é variável entre os bebês, alguns mamam de 3 em 3 horas, outros de 4 em 4 horas. Isto irá depender das necessidades de cada criança. Por isso não force a criança  esperar até uma determinada hora “porque ainda não é hora da mamar novamente”. A melhor forma de verificar se o bebê está a se alimentar bem, é verificando o aumento de peso da criança e não pelo número de mamadas diárias.

pais-e-filhos

Sempre que o bebê  mostrar ter fome, alimente-o. Caso você não possa amamentar o seu bebê o pediatra irá indicar o melhor leite para o seu filho. Caso o seu bebê não se adapte ao leite, o pediatra irá troca-lo até que ele se adapte bem com uma determinada marca ou qualidade de leite.

Geralmente  os leites são selecionados  de acordo com a idade da criança, é importante nunca dar leite de vaca, pois o organismo da  criança não iria conseguir digeri-lo.

No caso de a mãe não  estar com a criança por longos períodos, sendo impossível amamenta-la diretamente no peito,  é possível retirar o leite materno com o auxílio de uma bomba; que poderá  ser conservado no frigorífico por um dia e ministrado ao bebê na ausência da mãe.

Quase sempre a  introdução de novos alimentos inicia-se  a partir do 4º ao 6º mês de vida. Até esta altura a alimentação da criança deve ser unicamente o leite materno,  ou um leite adaptado se for necessário.Neste período geralmente são introduzidos cereais sem glúten, batata, cenoura, mandioquinha, etc.

Não deve ser utilizado sal na preparação da sopa e as primeiras sopas devem ser líquidas, aumentado gradualmente a consistência da sopa até que esta tenha a mesma consistência de um puré. Após os 6 meses são  introduzidos legumes e carne na sopa, e as frutas começam a fazer parte da  alimentação.

Frutas como o kiwi, morangos,  mamão, laranja, e alimentos como carne e peixe,  apenas devem ser introduzidos quando a criança completar o primeiro ano de idade. Sempre observando a orientação do pediatra. Após o primeiro ano de idade, sua alimentação começa a ficar parecida com a dieta alimentar do restante da familia, mas isto não é regra.

Cada criança tem seu tempo de adaptação e aceitação de certos alimentos, por isso quem deve avaliar se está tudo bem e  o tempo certo da introdução dos alimentos é o pediatra, como já citamos anteriormente.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Denilvan

Ameiiii o siteee…..