Dia da Caridade – 19 de Julho

Gostou deste Post?

O Dia da Caridade é celebrado no dia 19 de Julho, nos últimos tempos muito se tem falado sobre caridade, mas o que vem a ser a caridade?  Segundo os preceitos da igreja católica, caridade é amar e ajudar ao próximo. A caridade sempre esteve presente na história da humanidade, porém será que todos nós sabemos ser caridosos?

Ao longos dos séculos a igreja, diversas correntes religiosas, nobres, e governantes se dispuseram a praticar a caridade; porém o mais importante do que  dar o peixe é ensinar a pescar. Mais importante do que doar é faze-lo sem arrogância e sem intenção de se auto promover com o gesto de solidariedade humana.

No Brasil, o dia 19 de julho tornou-se oficialmente o Dia da Caridade através da Lei nº 5.063, de 1966, por decreto do então presidente Humberto Castelo Branco. A data foi criada com o objectivo de difundir e incentivar a prática da solidariedade e do bom entendimento entre os homens.

Segundo Nosso Senhor Jesus Cristo a  caridade não se restringe a esmola, pois abrange todas as relações com o nosso semelhante. Caridade é ajudar um amigo a encontrar um emprego, é fazer uma doação a um asilo, é ajudar o próximo a obter meios de sobrevivência seja através de um trabalho ou da realização de alguma atividade, é ser voluntário num hospital, é participar de uma ação comunitária em seu bairro, etc.

Independente da data, a caridade deve estar presente em todos os dias de nossas vidas. Felizmente neste planeta Terra muitos seres iluminados vieram com a missão de fazer o bem, e propagar a caridade no mundo; pessoas como Jesus Cristo, Francisco Cândido Xavier, Madre Teresa de Calcutá, Irmã Dulce, Papa João Paulo II e muitos outros, fizeram-nos entender que nossa vida não existiria se não houvesse o próximo. Todos nós de uma forma ou de outra precisamos dos nossos semelhantes, por isso
a humildade é um dos bens mais preciosos que uma pessoa tem em sua vida.

Fora da Caridade não há salvação! Divulgue esta frase, seja caridoso na essência da palavra. Aja sem que o mundo tenha que saber o bem que você praticou! Doe um pouco da sua espiritualidade à quem precisa. Seja voluntário num orfanato, num asilo de velhinhos, num hospital, numa creche, numa escola de periferia, na paróquia da sua igreja. Há muitas formas de contribuir com a sociedade, use sua imaginação e mãos a obra.



Gostou deste Post?

Comentários

  1. waldyr rocha diz:

    MUITO BOM TEXTO!

Deixe o seu Comentário

*

Powered by MVO® - Máquina Vendas Online