Bigmãe
Cuidados na Hora de Comprar Roupa para o Bebê

Cuidados na Hora de Comprar Roupa para o Bebê

Toda mulher quando sabe que está grávida desencadeia uma compulsão normal por comprar roupas  e acessórios para bebês. Isto ocorre com quase todas as mulheres e é normal, mas antes de ceder as tentações e sair por aí comprando desenfreadamente tudo que vê pela frente lembre-se de alguns itens importantes como:

Cuidados na Hora de Comprar Roupa para o Bebê

1- As vezes você está grávida, e seu bebê irá nascer no verão ou inverno, mas você por acaso vê uma linda roupinha (de inverno ou verão) para um bebê de 1 ano; imediatamente apaixona-se e compra. Mas será que quando o seu filho ou filha estiver com um ano será verão ou inverno? Por acaso este é um erro que muitas mães cometem, comprar roupas de tamanho grande ou pequeno esperando usar no seu pequeno, só que nem sempre conseguem por causa da estação versus idade. Pense nisto!

2- Bebês crescem muito rápido nos primeiros meses de vida, portanto não vale a pena comprar toneladas de roupas ou sapatos que logo estarão pequenos para o seu pimpolho. Por isso compre peças básicas e que você tenha certeza de que irá usar logo.

Cuidados na Hora de Comprar Roupa para o Bebê

3- Esteja atenta para os tecidos, dê preferência para tecidos de puro algodão e recuse os sintéticos e lãs (seu bebê pode ser alérgico).

4- Os modelos das roupas devem ser práticos, preferencialmente com fechamento nas costas para facilitar vestir o bebê.

5- Dê preferência por gorros de algodão ou linha de algodão anti-alérgica para não irritar a pele do seu bebê.

6- Evite comprar roupas que tenham peças, botões ou detalhes que podem ser retirados pelo bebê e levados à boca.

7- No chá de bebê peça às suas amigas coisas e peças que você tem certeza de que serão extremamente útil e que poderão ser usadas independentemente da idade do bebê, como por exemplo: mantas, fraldas descartáveis, lençol de berço, fraldinha de boca, babadores, brinquedinhos, etc.

8- Antes de entrar na primeira loja e decidir que será alí o local onde você irá comprar todo o enxoval, pesquise muito bem. Por vezes algumas vendedoras se aproveitam da inexperiência da mamãe de primeira viagem e “empurram” peças que nunca serão utilizadas. Esteja atenta. Digo isso porque conheço o caso de uma mãe grávida que gostava muito de uma loja num famoso shopping de São Paulo, e ia sempre lá para ver se tinha novidade; ocorre que cada vez que ia nesta loja voltava para casa com uma “saída de maternidade” em linha, composta de 4 peças que a criança iria usar por apenas e no máximo 2 meses.

Quando a bebê nasceu, passado alguns meses esta mãe comentou que pela inexperiência comprou 6 saídas de maternidade, acreditando que a filhinha ia usar muitas vezes os conjuntinhos. É mais do que óbvio que a loja em questão (que infelizmente não posso citar o nome) se aproveitando da inexperiência dela  a induziu ao erro! É bom lembrar que “vendedores” tem metas a atingir durante um mês, e as lojas de roupas de bebês não são diferentes. Não digo isso só sobre as lojas de bebê, mas digo isso em relação especificamente a elas porque sei do que falo! 😉

Por esta e outras é que sempre que eu posso alerto as mamães para estarem atentas e ter cuidado na hora de comprar a roupa para o bebê.